7 fevereiro , 2013

Até maio deste ano, o Grupo J. Demito vai inaugurar mais uma mineradora, a quarta do grupo, no município de Bandeirantes do Tocantins (TO), que levará o nomede Supercal. A obra ainda está em fase de concretagem, e a previsão é de que haja a entrega de 300 mil toneladas ainda em 2013, embora a mineradora esteja projetada para gerar cerca de 1,5 milhão de tonelada por ano.

A Supercal vai atender às regiões dos Estados do Tocantins e Mato Grosso, e vem como estratégia para suprir o aumento da demanda destes mercados. Segundo Francisco Hendges, responsável pela implantação da planta, a construção de mais uma mineradora, em uma localização privilegiada (às margens da rodovia estadual TO 433), vai reduzir o custo do frete e facilitar o escoamento de calcário dolomítico na região do Mato Grosso.

Sustentabilidade

O Grupo J. Demito é extremamente cauteloso quando a questão é o meio ambiente. Por isso, desde o começo da implantação da nova indústria a preocupação com a natureza estáem primeiro lugar. Um dos exemplos é a diminuição do desperdício de matéria-prima (cimento, tijolo e madeira) na obra, já que 90% dos materiais utilizados são de bases metálicas, que já vêmpré-moldadas e prontas para instalação.

De acordo com Wagno da Silva, Técnico em Mineração, o impacto ambiental gerado pela implantação da mineradora está sendo praticamente zero. “Além de todas as ações em prol do meio ambiente, a área que estamos utilizando era uma terra imprópria para agricultura e pecuária, devido à má conservação do solo. Com a descoberta do minério, outros solos de pastagens e agricultura serão beneficiados e menos áreas serão desmatadas”, enfatizou.
Ainda segundo Wagno, no futuro, quando a obra estiver pronta, a água da chuva será reaproveitada. “Ela será bombeada e servirá tanto para molhar o pátio e as plantas, como para tirar a poeira da indústria” afirmou.

Empregos

Cerca de 50 empregos diretos e indiretos foram gerados até agora. E a previsão para 2014, prazo de entrega total da mineradora, é de que mais 60 empregos diretos e 120 indiretos sejam gerados. “Já estamos recrutando pessoas para trabalhar na nova mineradora, o município de Bernardo Saião será o principal beneficiado por causa de sua proximidade com a Supercal”, declarou Francisco Hendges. A chegada da mineradora garante para a região mais receita e desenvolvimento econômico e social.

Voltar
Top