27 setembro , 2016

Pagamentos acima da referência têm sido cada vez mais comuns na maioria das regiões pesquisadas pela Scot Consultoria. Os frigoríficos que não possuem boiadas a termo ou parcerias apresentam dificuldade em avançar suas programações de abate, uma vez que a oferta está restrita. Este fator é o que tem determinado o mercado.

Com isso, houve reajuste positivo em seis praças na última segunda-feira (26/9). Em São Paulo, algumas indústrias aguardaram melhor posicionamento do mercado para iniciarem suas negociações.

No atacado da carne com osso, os preços ficaram estáveis (26/9), com o boi casado de animais castrados cotado em R$10,18/kg. Para o curto prazo, fica a expectativa quando à demanda, já que os compradores devem abastecer os estoques.

Fonte: Scot Consultoria

Voltar
Top